Feliz Natal

Feliz Natal

quarta-feira, 18 de abril de 2012

"Viver"



Quero viver outra vez
Deixar para trás tudo o que me apoquenta
Partir pela estrada despida de gente
E sentir na minha cara a brisa da manhã
O frio esse que me desperta
E a tua mão na minha mão
À nossa frente as crianças
Que num saltitar até parece
Que a vida começa mesmo ali
Parto e nada deixo para trás
Levo comigo a saudade
Essa que nunca partirá
De te ter visto partir tão cedo
E por momentos até senti medo
Mas não sempre me ensinas-te
Olhar em frente passo a passo
Como sempre fiz
Olho para sala e vejo-te no lugar de topo
De cabelos brancos palavras sábias
Tanta falta me fazes
Naquilo que não dizias e que eu via
Naquilo que transmitias e eu sentia
Foram tardes e noites de conversas amenas
Que afinal recuperamos passados tantos anos
E foi essa distancia que nos aproximou
E que eu senti o Amor que Deus me levou

1 comentário:

Isabel Maguiar disse...

Algumas pessoas deixam a brisa de boas recordações, outras, mais ainda, nos inspiram. É bom dar as mãos a um ser alado...

Passageiro