Feliz Natal

Feliz Natal

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Vazio...


Sentir uma suave nota de música cristalina
Um dedilhar sobre cordas afinadas
Sentir no ar a saudade nunca perdida
E encontrar o sorriso na mente confinada

Este mundo onde nos encontramos na distância
Nas estradas de diferentes cores
Já lá vai o tempo da ganância
Por vezes só sentimos pequenas dores

Na mesa o lugar sempre vago
Ouvido atendo à campainha
Não passa do barulho do vizinho do lado
Crença saudade paixão amor
Tudo isso bem misturado
Numa panela sem cor

Esta vida amargurada
Criei dentro de mim mil sonhos
E outros tantos que por aí vagueiam
Por vezes até parecemos uns tontos
Mas serás sempre a minha sereia

Sem comentários:

Passageiro