Feliz Natal

Feliz Natal

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Poder da palavra...



Quem me diz que escrevo bem
Será por amor ou por desdém
Quem diz que o mau sou eu
Será por dor ou um fariseu

Mas não paro nem me deixo intimidar
Sigo um rumo certo olhando o mar
Porque a razão um dia vai voltar
A bater na costa do meu lar

São pequeninos estes meninos
Que um dia vão poder ler
E já em grandes como sabinos
Vão sorrir ao me verem

Olhos molhados de saudade
Mãos inquietas de aventuras
Vou ver crescer pela mocidade
E a seu lado as desventuras

Estarei sempre nesses momentos
Que mais precisam de mão amiga
Ajudando com os meus pensamentos
Contado-lhes o que mais me intriga


2 comentários:

Isabel Maguiar disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Maria Inês Teixeira de Queiroz Aguiar Marçalo disse...

SEMPRE A PENSAR NOS FILHOS, É UMA MARAVILHA!
UM ABRAÇO DA MÃE E AVÓ.

Passageiro