Feliz Natal

Feliz Natal

terça-feira, 18 de maio de 2010

Mudança dos tempos...



Foi no olhar que senti o teu amor
Essa tua forma de estar com a vida
Nas palavras que escreves com ardor
E muitas vezes ficas deveras comovida

Por vezes sinto o teu respirar
E passeias pela tua infância
Como é bom sempre a recordar
Foram bons os dias de criança

Nos passeios até ao rio
Nas idas à praia de Espinho
Lá vinha um pouco mais de frio
E novamente a escola do povinho

Era ali bem perto hoje nova
A escola de outros tempos
Aprendia ou levava uma sova
Diria que hoje são passatempos

Mudanças dos tempos modernos
Onde o aprender ocupa espaço
Mais vale vestir uns bons ternos
E nunca experimentar andar descalço

Criança que fomos nesses tempos
A pé íamos todos os dias à escola
Hoje de carro faltam aos tempos
E ainda não precisam de pedir esmola

Outras formações outras vontades
Que o tempo nos vai ensinar
São as modernices das Liberdades
No final vamos ver quem vai buzinar

2 comentários:

Dani disse...

oii!
como vc está??
passando pra conhecer o blog.
continue escrevendo ok!!
cara, tá mto boa essa poesia..
tempos modernos.. acho que o homem caminha a passos largos de um lado e se atrapalha noutras vezes...

nao pare! beijos

Dani disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

Passageiro